ACMP participa de manifestação contra reformas Previdenciária e Trabalhista

Na manhã de hoje (28), membros da Associação Cearense do Ministério Público (ACMP) contribuíram com a manifestação realizada no Centro da capital cearense, com o propósito de protestar contra as reformas Previdenciária e Trabalhista, que enfraquecem os direitos fundamentais da população brasileira. Os associados levaram faixas com a frase “Pela manutenção das conquistas sociais e contra as reformas da Previdência e Trabalhista”, e distribuíram panfletos em apoio a esta pauta.
O segundo vice-presidente da ACMP, Rafael de Paula, afirma a importância de apoiar o movimento e reitera que é um ato direcionado à luta pela não retirada dos direitos conquistados pelos trabalhadores. Ele garante que seria um retrocesso social se as reformas forem aprovadas, influenciando de forma negativa na sociedade. “A aprovação dessas medidas seria um retrocesso social, um retrocesso na defesa e na garantia dos direitos que foram conquistados por meio de lutas”, afirmou.